A BOL usa cookies para melhorar a navegação dos nossos utilizadores. Ao fechar esta mensagem aceita a nossa política de cookies. SaberMais/ Fechar
Distrito Sala
Detalhe Evento
L'Économie du couple

L'Économie du couple

Teatro & Arte | Cinema

TAGV

Auditório
Classificação Etária
Maiores de 12 anos
Bilhete Pago
A partir dos 3 anos
2017
out
22

Sessão

22 out 2017 21:30
Dias
Hrs
Min
Seg

Duração

98 minutos

Intervalo

Sem Intervalo.

Promotor

Universidade de Coimbra - Teatro Académico de Gil Vicente

Sinopse

Depois de 15 anos de vida comum, Marie e Boris separam-se. Foi ela que comprou a casa na qual eles vivem com os seus dois filhos, mas foi ele que a remodelou completamente. Obrigados a co-habitar temporariamente, devido aos parcos meios de Boris, na hora do acerto de contas, nenhum dos dois quer deixar aquilo que julga ser seu por direito.

Produção

Arlette Zylberberg, Philippe Logie, Antonio Lombardo

Ficha Artística

Com : Bérénice Bejo, Cédric Kahn, Marthe Keller

Notas Suplementares

Organização Institut Français du Portugal, Embaixada de França, Alliance Française Coimbra
em colaboração com Teatro Académico de Gil Vicente

Realizador

Joachim Lafosse

Informações Adicionais

Argumento : Joachim Lafosse, Fanny Burdino, Thomas Van Zuylen, Mazarine Pingeot
Origem: França

Vendas Internacionais: Le Pacte

Estreia em França: 10/08/2016

Frase: O casal e as suas fragilidades : o tema não é novo, mas Lafosse, evitando sempre os clichés, consegue reiventá-lo. E assina um grande filme, íntimo, vibrante e de uma intensidade exceptional. Olivier de Bruyn, Positif

Biografia do Realizador: Licenciado no lInstitut des arts de diffusion, em 2001, Lafosse faz-se falar desde cedo quando arrecada, nesse ano, o prémio de Melhor curta-metragem no Festival de Namur pelo seu filme de fim de estudos, Tribu. Com a sua carreira de cineasta lançada, realiza, em 2004, a sua primeira longa-metragem, Folie privée, sobre a história de uma separação conjugal dolorosa. Pouco depois, realiza Ça rend heureux, no qual Lafosse descobre o seu actor fetiche, Kris Cuppens, e Nue Propriété, um drama familiar apresentado na Mostra de Veneza, em 2006, e interpretado pelos irmãos Renier e por Isabelle Huppert. Em 2016, o cineasta volta aos seus temas de eleição, a ruptura de um casal em crise, com Léconomie du couple, com Bérénice Bejo e Cédric Kahn, nos papéis principais.

Festivais: Festival de Cannes Quinzena dos Realizadores, 2016; TIFF Canadá, 2016, BFI, 2016

Preços

  • Plateia - 3,50€

Descontos

  • Alliance Française
  • Cartão Fnac
  • Desempregado
  • Estudante
  • Fila K Cineclube
  • Grupo = ou > 10 pax
  • Maiores de 65 anos
  • Menores de 25 anos
  • Ord. Engenh. Reg. Centro
  • Ordem dos Arquitetos
  • Rede UC

Partilhar

Serviços Adicionais

Veja ainda:

Le Fils de Jean

Teatro & Arte | Cinema

TAGV

Auditório

Para Coimbra, com Amor

Música & Festivais | Fado

TAGV

Auditório