Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
Odeio este Tempo Detergente

Odeio este Tempo Detergente

Teatro & Arte | Teatro

TAGV

Auditório
Classificação Etária
Maiores de 12 anos
Bilhete Pago
A partir dos 3 anos
2019
abr
12
Realizado

Duração

70 minutos

Intervalo

Sem Intervalo.

Promotor

Universidade de Coimbra - Teatro Académico de Gil Vicente

Sinopse

Não é possível fazer a história da poesia portuguesa do século XX sem falar de Ruy Belo. Um corpo poético que entre 1961 e 1978, ano da sua morte prematura, não deixou ninguém indiferente. Uma obra à qual não é possível colar rótulos e que é atravessada por uma ideia de construção feita de casas, pássaros, árvores, homens em trânsito, jogos de luzes e sombras com o espaço e o tempo. Em Ruy Belo o humanismo não se explica, expõe-se através de perplexidades.

Interpretação

Maria João Luís e Ana Nave

Ficha Artística

Seleção de poemas e dramaturgia Rui Lagartinho
Direção musical José Peixoto
Desenho de luz e direção técnica João Cachulo
Operação técnica em digressão João Cachulo, Sérgio Joaquim
Vídeo e fotografias Nuno Azelpds Almeida
Figurinos Rafaela Mapril
Produção executiva Mónica Talina, Vítor Alves Brotas
Apoio à circulação Fundação GDA
Coprodução São Luiz Teatro Municipal com Arte33

Autor

Ana Nave

Informações Adicionais

Espetáculo integrado na 21.ª Semana Cultural da Universidade de Coimbra

Pontos de Referência

Praça da República

-
Partilhar

Serviços Adicionais

Veja ainda:

É o Fim

Teatro & Arte | Stand-Up

TAGV

Auditório

Benjamim - Vias de Extinção

Música & Festivais | Música

TAGV

Auditório